Informações do Post - - Enium Criação de Sites - - 1 de agosto de 2016 | - 7:11 - - Home » - - Sem Comentários

GACC/SE realiza aniversário de 4 jovens na ASSOMISE

O espaço de eventos da Assomise foi cedido ao GACC/SE para que pudesse ser realizado o evento.

ori_d0e5723660f3e98d7f77bd80d94f0671Embalados na canção do filme “Crepúsculo”, cujo tema foi escolhido pelos assistidos e que caracterizou a festa, foi mais que elogiada por todos. Vários momentos emocionantes, incluindo apresentações de danças e a famosa valsa, onde os acolhidos dançaram com seus pais, príncipe e princesa.

Sensações das mais diferentes possíveis. Era um misto de alegria, comoção, ansiedade, alívio e esperança. Só quem passa por elas, sabe o quanto é valioso este momento, onde o Grupo de Apoio à Criança com Câncer de Sergipe (GACC/SE), proporcionou à quatro acolhidos que comemoraram juntos, os 15 anos de vida, de luta e perseverança.

Carlos Rafael, Fabiana Sebastião, Lailson Nascimento e Renata Soares, são os heróis dessa comemoração, que foi realizada na última quinta-feira (21), na Associação dos Oficiais Militares de Sergipe (ASSOMISE), bairro Farolândia, às 20h.

Eles receberam seus convidados, e puderam dividir o contentamento com cada um que esteve no evento, e que torce pela felicidade deles.

A Festa teve como mestre de cerimônia, o apresentador do SETV 1ª Edição, Ricardo Marques, que esbanjou simpatia no decorrer da festa e também se divertiu com a garotada.

Ricardo explanou que esse momento foi rejuvenescedor, pois estava cansado devido à seus afazeres, mas que quando chegou na festa, tudo passou. “Esse é um momento onde as pessoas estão querendo ajudar o outro. Agradeço a Deus e ao GACC, por essa oportunidade de ter sido escolhido, de poder doar um pouquinho do meu tempo a essa instituição tão acolhedora, e a esses adolescentes que hoje estão aqui”.

A mãe de Fabiana, Joelma Sebastião, ressalvou que foi tudo lindo, pois foi um momento que ela não esperava que um dia pudesse acontecer. “Essa noite foi de alegria não só para mim, mas para todos os amigos, parentes e funcionários da casa de apoio. Agradeço ao GACC e à madrinha, que veio do Rio de Janeiro (RJ) para participar da festa, aos patrocinadores e a todos que se preocupam com minha filha”.

Maria Soares, mãe de Renata, avaliou que o GACC é maravilhoso, pois sempre a apoiou em tudo, e sempre deu suporte à toda família, quando eles mais precisaram.

A dona de casa Eleonora Nascimento, mãe de Lailson, declarou que graças a Deus a festa foi perfeita e muito bonita. “Acho muito importante ter comemorado uma data tão especial, o que reforça a melhora no tratamento dele. O GACC está de parabéns!”.

Carla Souza, mãe de Carlos Rafael, ponderou que é emocionante esse momento de estar celebrando não só os 15 anos dele, mas um ano de vitória. “Esse ano Rafael vai estar completando 5 anos de controle da doença, então para a gente já é uma celebração da luta dele contra o câncer. A oportunidade dele estar trabalhando na instituição é um crescimento profissional, o que já proporcionou ele estar aqui com saúde, estabelecido, preparando-o para a vida adulta, e isso é maravilhoso”.

O repórter do “Combinado”, programa de entretenimento da TV Sergipe, Brucce Cabral, foi escolhido para ser o príncipe das duas debutantes Fabiana e Renata, e dançou valsa com elas. Para ele, o sentimento de poder participar de uma festa como essa foi gratificante. “Quando recebi a ligação do pessoal do GACC fiquei muito feliz por ter sido escolhido príncipe, o que para mim, foi uma demonstração de carinho. Sempre ouvi falar do projeto do GACC, e há muitos anos a gente acompanha o trabalho da associação dos amigos da oncologia, mas nunca tive um trabalho efetivo com eles. E agora, nesse primeiro contato que eu tive com o GACC, fiquei bastante satisfeito por ser uma oportunidade de celebrar uma data tão importante e alegre para eles”.

A apresentadora do Programa “Hoje em Dia” da TV Record, Jacqueline Cruz, foi a princesa eleita para dançar com os meninos, Lailson e Carlos Rafael, e para ela foi um momento especial, onde só tem a agradecer pelo convite. “Estar aqui num momento como esse é muito importante, pois são 15 anos. Eles que lutaram pela vida, e a gente sabe que é uma luta realmente árdua. Poder comemorar essa data, e ainda ser a princesa deles é de uma emoção tamanha. É uma honra muito grande”.

A acolhida Renata Soares, relatou estar muito feliz, diante de tudo que passou. “Ganhar essa festa que é o sonho de toda garota, foi excelente! O GACC significa muito para mim, graças a ele, tudo isso pôde ser realizado”.

Carlos Rafael, acolhido e aniversariante, falou que o GACC é uma família para ele. “A sensação de estar terminando o período onde a medicina dá de controle para a doença, é de alívio. Finalmente posso me sentir livre, e por isso, a festa serviu para comemorar essa vitória também”.

O médico oncologista, Venâncio Gomes, foi quem cuidou de Carlos Rafael e Fabiana. Ele enfatizou que presenciou o sofrimento dessa turminha, onde viu que uns sofreram mais do que outros, mas que todos enfrentaram o problema e não se deixaram abater. “Para mim é uma satisfação muito grande e uma surpresa boa, pois encontrei muitos que eu não via há muito tempo. Estão totalmente diferentes, todos bem e felizes. Essa é uma alegria que vai marcar a vida de cada um e fico muito satisfeito por eles, e pelo trabalho do GACC”.

A empresária e madrinha mágica de Fabiana, Madalena Marinho, contribuiu financeiramente para que a festa fosse realizada, e aproveitou para vir à Aracaju conhecer o GACC/SE, e a afilhada, pessoalmente. Ela e a filha Laura Queiroz, vieram do Rio de Janeiro (RJ), se divertiram muito e na ocasião, o supervisor de comunicação, Fred Gomes, homenageou Madalena com uma placa em nome do GACC/SE, e foi perceptível sua emoção.

“Quando a gente não faz algo, é porque talvez não teve conhecimento, ou não tivesse a oportunidade de poder ajudar, porque eu falo para todo mundo que, por mais que pareça hipócrita a resposta mas financeiramente para a gente, é o mínimo esforço que a gente faz. Pois acho que o bonito mesmo, o que eu gosto de ver e o que me deixou mais motivada, é o trabalho dos voluntários, que é lindo demais e eles merecem esse mérito. E a gente só compartilha, para que isso se desenvolva cada vez mais”, declarou a madrinha mágica.

Madalena ressaltou que conheceu o GACC através de uma matéria do dia das mães, veiculada no portal de notícias G1 Sergipe no ano passado, e que desde então, um sócio dela teve a ideia de ligar e pedir informações de como seria para apadrinhar, e isso só incentivou mais pessoas, que são ela, a filha, e mais dois amigos que são padrinhos de Lailson e Carlos Rafael.

A empresária que é de Araruama (RJ), destacou que o momento que conheceu a acolhida Fabiana, não se explica, só se sente. “Não tem como te dizer em palavras o que foi para mim conhecê-la. Tudo fez valer mais, a cidade é linda de estar, o povo é bastante acolhedor, e claro o momento que era de conhecer todo mundo e de ver mais de perto o trabalho do GACC. Isso foi uma realização na minha vida. Me sinto bem pequenininha diante da doação que fiz, mas sei que valeu a minha colaboração. Isso aqui é só um detalhe de tudo que o GACC construiu até agora, e que vai construir daqui para a frente. Vejo com o melhor dos sentimentos, tudo o que a instituição procura realizar na vida de seus acolhidos”.

O oncologista, Richer Mota, que é médico de Renata, avaliou que qualquer festa numa situação como essa, é motivo para se comemorar. “A alegria se multiplica especificamente no caso dos pacientes e de Renata, que eu praticamente acompanhei desde o início até agora. É um misto de satisfação com orgulho, onde triplicam os sentimentos. A casa de apoio tem um papel que foge um pouco da individualidade, acho que esse é o grande princípio. Ela reúne pacientes, médicos com pacientes, tem a responsabilidade de auxiliar famílias que não tem oportunidade não só de estar tendo esse momento com os médicos da paciente, então é importante em todos os sentidos”.

O idealizador do projeto “Padrinhos Mágicos”, Douglas de Santos, observou que não consegue descrever em palavras a satisfação de ver seu projeto concretizado, pois foi o projeto de estágio, enquanto estudante de Serviço Social. “Na época que eu tinha aplicado, sabia que o projeto seria de longa duração, pois não conseguiria de imediato. Mas mesmo assim você fica meio frustrado, porque seu projeto não saiu como você queria. Pois em 2013 foi quando estagiei no GACC, tinham 55 crianças assistidas, e eu só consegui apadrinhar 3 crianças, por isso me senti assim, pois a minha vontade era de apadrinhar todas na mesma semana. Mas no fundo eu sabia que daria frutos, então hoje é uma sensação ímpar, ainda mais contribuindo na coreografia das danças que eles apresentaram ao público presente, e compartilhando dessa imensa alegria junto com eles”.

A empresária e promotora de eventos, Conceição Xavier, da Ceiça Festas e Eventos, foi responsável pela decoração do ambiente, pelas fotografias e buffet. E além de ser solidária com estes requisitos, contou com uma equipe extremamente simpática e dedicada ao evento. “Fui convidada por Anne e abracei a causa. Gostei muito da experiência, pois o sentimento é de alegria pelo sonho concretizado. E também em saber que estão alcançando a cura, pois o câncer é uma doença triste e que está assolando o mundo. O trabalho dos voluntários é algo valioso e por isso que não hesitei em ajudar”.

O supervisor de Comunicação do GACC, Fred Gomes, destacou que só tem a agradecer a Deus por colocar pessoas certas, nas horas certas, que se uniram para que tudo desse certo na noite da festa. “Estou muito feliz de ver quatro adolescentes que enfrentaram o câncer, um ainda em tratamento que é o Lailson, curtindo essa festa que foi feita para eles. Graças à madrinha mágica, aos empresários, parceiros, pessoas ligadas à área de eventos e ao próprio voluntariado, que sempre se empenha na organização dos eventos, uma festa como essa, pôde ser realizada de maneira que todos saíram satisfeitos. Me sinto honrado em fazer parte da família GACC, e é maravilhoso ver o engajamento dos voluntários, diretoria, parceiros, médicos e famílias reunidos em uma causa tão nobre. Todos os convidados que estiveram na festa foram merecedores, mas agradeço em especial aos médicos, que sempre lutam no dia a dia com as mães, passando medicamentos, fazendo exames, para que essas crianças obtenham a cura. Então é muito bom ver no semblante de cada mãe, pai, familiares e acolhidos, a satisfação, alegria e a energia positiva reinando”.

A presidente do GACC/SE, Elenilda novais, avaliou a festa como um marco na história do GACC, pois segundo ela, o objetivo foi de dar alegria e realizar um sonho na vida das crianças. “Estou imensamente feliz pelo que aconteceu, pelo evento, e queria agradecer aos voluntários, pois sem eles nada é possível em nossa instituição”.

A voluntária representante da comissão de festas e diretora da casa de apoio, Anne Simplício, relatou que a festa dos 15 anos dos meninos foi a festa que ela sempre quis ter, mas que seus pais não tiveram condições de realizar, por isso, conseguiu se realizar no sonho deles. “Um trabalho lindo, atingido junto com minhas amigas voluntárias, minha coordenadora Graziele Monteiro, equipe diretora e parceiros (que contribuíram com todo carinho e dedicação)”.

Sobre o Projeto Padrinhos Mágicos

O projeto “Padrinhos Mágicos” é uma proposta que objetiva a sensibilização de pessoas que, a partir de um compromisso social, assumam a condição de padrinhos ou madrinhas de crianças e adolescentes do GACC/SE, e contribua assim para a formação e melhoria da qualidade de vida dessas crianças e adolescentes.

Fonte: http://gacc-se.org.br/noticia/533/festa-de-15-anos-foi-emocionante

Deixe uma resposta